Depois do horário da partida ser alterado algumas vezes, Operário Ferroviário e Arapongas entraram em campo na tarde chuvosa deste domingo (23), às 17 horas, em partida válida pela 3ª rodada do Campeonato Paranaense. E a tarde não foi de sorte para os donos da casa, que acabaram sendo derrotados por 1 a 0.

0 x 0
O primeiro tempo começou sem muitas emoções. Quem deu um susto na torcida logo nos minutos iniciais foi o goleiro Ivan, que saiu do gol e acabou dando um mal jeito no braço. Felizmente, nada comprometedor. Ivan seguiu no jogo fazendo importantes defesas.

Enquanto o Operário não conseguia ajeitar a marcação no meio de campo, o Arapongas tomava a iniciativa e vinha para o ataque, mas, sem sorte nas finalizações. No contra-ataque o Fantasma até levava perigo a meta do goleiro Danilo, mas também sem sucesso.

Insatisfeito com Robert no time, o técnico Amilton Oliveira optou por substituí-lo por Diego Palhinha para dar mais movimentação à equipe de Vila Oficinas. E deu certo. O Operário cresceu no ataque, mas o gol que é bom, não veio. E o primeiro tempo terminou mesmo sem gols.

Quem não faz, toma
Melhor no segundo tempo, o Operário seguiu atacando, e o Arapongão se defendendo. Partindo para o tudo ou nada, o comandante do Fantasma queimou logo as últimas duas substituições restantes. Saiu Cambará para a entrada de Édson Grilo, e Fabio Buda deixou o gramado para dar lugar a Osmar.

A equipe de Ponta Grossa chegou com perigo com Osmar, Palhinha, Édson Grilo, mas a bola insistiu em não entrar. Aos 24 minutos, em uma das únicas chegadas do Arapongas no campo de ataque, Luciano driblou Ivan e acabou chutando pra fora. Aos 30 minutos, Luciano insistiu de novo e acabou abrindo o placar para o Arapongas sem chances para o goleiro Ivan. Operário 0 x 1 Arapongas.

A chuva apertou em Ponta Grossa, e desestabilizado dentro de campo, o Operário começou a fazer muitas faltas. Zé Leandro acabou levando cartão vermelho e complicou ainda mais a vida do Fantasma. Final de jogo, Operário 0 x 1 Arapongas.

FICHA TÉCNICA
OPERÁRIO 0 X 1 ARAPONGAS

Operário: Ivan, Lisa, Vinicius, João Paulo, Gilson, Zé Leandro, Cambará (Édson Grilo), Serginho Paulista, Serginho Catarinense, Robert (Diego Palhinha), Fabio Buda (Osmar).
Técnico: Amilton Oliveira.

Arapongas: Danilo, Maicon, Bruno Matavelli, Douglas, George, Fabinho, Val Ceará (Gustavo), Wellington, Peu, Jocivalter (Rafael Torres), Hermínio (Luciano).
Técnico: Lio Evaristo.

Local: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.
Data/Hora: 23/01/2010, às 17 horas.
Árbitro: Antônio Valdir dos Santos.
Assistentes: Guilherme Roggenbaum e Diego Grubba Schitkovski.
Cartões Amarelos: Peu, Luciano pelo Arapongas. Vinícius, pelo Operário.
Cartão Vermelho: Zé Leandro, pelo Operário.
Gols: Luciano aos 30 minutos do 2º tempo pelo Arapongas.

Por Regina Ferreira (Redação em Campo – 23/1/2011).

Os comentários estão encerrados.