Com boa campanha no Brasileiro no momento em que a cidade comemora 187 anos, Fantasma projeta ainda mais conquistas

Na semana em que a cidade comemora seu aniversário de 187 anos, o Operário vive um de seus melhores momentos desde a retomada do futebol no começo da década de 2000. E com o centenário se aproximando, o sonho do tradicional time paranaense é estar na Série B, a Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro, em 2012 para a comemoração ser completa.

E para revelar um pouco desse sonho e da trajetória do Fantasma, um dos personagens é o atual presidente Carlos Roberto Iurk. Um dos responsáveis pela decisão de encerrar temporariamente com o futebol profissional nos anos 90, ele estava à frente do clube nesta nova fase e participou diretamente do processo de terceirização do departamento de futebol, que apesar de receber algumas críticas, foi o modelo que mais resultados trouxe para o clube ponta-grossense.

Foto: Charge centenário

Iurk foi presidente entre 1992 e 1998, depois permaneceu na diretoria do clube e voltou para a presidência em 2007. Fica no comando do clube até as eleições marcadas para dezembro deste ano e já confirmado na disputa para a reeleição ele destaca que essa mudança no cenário do futebol ponta-grossense aconteceu de uma maneira muito rápida. “Retomamos lá em 2007, em 2009 tivemos o acesso e agora estamos na elite ficando em quinto lugar na estreia do Paranaense da Primeira Divisão. Além disso, disputamos a Série D e estamos bem”, diz.

Confira a matéria na integra na versão impressa do JM.

Por Alexandre Costa (JMNews – 15/09/2010).

Os comentários estão encerrados.