Por indisciplina, atacante foi dispensado pelo grupo gestor; nenhuma nova contratação foi confirmada até o momento

Após a saída do atacante Eduardo Rato do elenco, que está sendo negociado com um clube do exterior, agora o desfalque no Operário fica por conta da dispensa do também atacante Danielzinho. Segundo as informações repassadas pelo grupo gestor de futebol do time ponta-grossense, a saída aconteceu por motivos de indisciplina. O jogador vinha sendo o ‘curinga’ do técnico Pedro Caçapa, já que atuava também improvisado na armação das jogadas no meio de campo por falta de peças nesta posição.

Foto: Danielzinho teve o contrato com o Operário rescindido

Danielzinho teve o contrato com o Operário rescindido

Com essas duas baixas e três jogadores ainda buscando a recuperação total de lesão – Leonardo (zagueiro), Zé Leandro (volante) e Rilber (meia) – o time ainda negocia com reforços. As conversas no momento estariam bem adiantadas com o meia Edson Grilo, do Arapongas. Mesma situação seria a do atacante Baiano, ex-ídolo da torcida operariana. Ele voltaria para a sua casa e até a próxima segunda-feira daria o seu parecer final sobre o retorno ou não para Ponta Grossa. Na lateral esquerda são dois nomes mais cotados para assumir a vaga deixada por Gilson, machucado, e hoje ocupada por Péricles. Rogerinho, do Roma de Apucarana, e Alemão, do Foz do Iguaçu, podem reforçar o time para a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. Já com Safira as negociações continuam ainda sem uma definição. O Fantasma volta a jogar dia 5 de setembro, em Ponta Grossa, na abertura da segunda fase da competição nacional. O adversário será o Metropolitano de Santa Catarina, com o jogo da volta confirmado para o dia 12 de setembro em Blumenau.

e-Mais
Já o Fantasminha, comandado por Paulo Cardoso, segue com os trabalhos. Nestes próximos dias, a base do grupo vai para Irati disputa a fase regional dos Jogos Abertos do Paraná – sob o comando do técnico Cristiano. Até agora, o time segue invicto na Copa Tribuna de Futebol Sub-18, com duas vitórias (sobre Serrano e Iguaçu) e um empate – no último confronto contra o Clube Andraus em 1 a 1, fora de casa.

Por Alexandre Costa (DCMais – 27/08/2010).

Os comentários estão encerrados.