Caçapa a prova preparação e confirma mudanças na equipe para deixar o Operário ?mais leve? para o confronto de amanhã no Germano Krüger diante o Joinville

Tudo que tinha de ser resolvido, foi feito. Com um coletivo e alguns minutos de jogadas de bola parada o Operário Ferroviário encerrou ontem sua preparação para o jogo de amanhã contra o Joinville, pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

“Foi uma semana muito boa. Deu para ajustar tudo, treinar bastante bola parada, fazer (treino) coletivo. Agora é esperar pelo jogo e pela torcida”, analisa o técnico Caçapa, mencionando o apoio esperado das arquibancadas na partida de amanhã, a primeira que a equipe faz no Germano Krüger pelo nacional.

Foto: PRONTO Operário fez seu último coletivo ontem antes da partida contra o Joinville pela Série D

O treino de ontem confirmou a equipe projetada pelo técnico já no início da semana, com uma linha de quatro zagueiros e uma meio de campo com três volantes e dois meias, completado por um atacante fixo. Ivan segue no gol, com Cassiano, Leonardo, De Lazzari e Gilson na defesa; Diego Zanuto, Zé Leandro, Cambará, Rilber e Danielzinho formam o meio de campo, e Edenílson segue no ataque. Como opções na frente o treinador testou Tardeli e Eduardo Rato, nos lugares de Marcelinho e Edenílson.

Para o treinador, a nova formação agradou, dando mais rapidez à equipe. “Deu um ritmo melhor, mais velocidade, com jogadores mais leves. Agora esperar que se repita durante a partida”, diz o treinador.

Na opinião do técnico, o fato do time ponta-grossense fazer sua primeira partida diante do torcedor não deve intimidar os seus atletas. Para Caçapa, o principal temor era a primeira partida do Brasileiro, em Porto Alegre, diante o São José, onde o alvinegro saiu derrotado por 1 a 0. “Não vejo que a ansiedade, o peso da estreia em casa possa atrapalhar. Fizemos dois bons amistosos aqui já com esse objetivo, de por o jogador que não conhecia a torcida pra se acostumar. O problema maior era a estreia mesmo, no campeonato, com aquele peso, agora o time tá mais ?soltinho?”, garante o treinador.

A partida contra o Joinville será às 16 horas de amanhã, no Germano Krüger. Na tarde de ontem os primeiros ingressos para a partida começaram a ser vendidos, com um movimento considerável nas bilheterias do estádio ponta-grossense. Os valores das entradas custam R$ 20, para arquibancada, e R$ 50 arquibancada coberta, com meia-entrada disponível para os dois setores.

Por Jeferson Augusto (DCMais – 24/07/2010).

Os comentários estão encerrados.