As equipes do interior conseguem se manter na frente das equipes da capital do estado na tabela de classificação

O goleiro Marcelo foi um dos destaques do jogo contra o Londrina e conseguiu segurar o empate

O goleiro Marcelo foi um dos destaques do jogo contra o Londrina e conseguiu segurar o empate

Após o empate sem gols do último domingo na partida contra o Londrina, o Operário se manteve na quinta colocação na tabela de classificação. Com três empates e uma vitória o Fantasma soma seis pontos. Quem está na ponta, é a equipe que subiu para a série A no ano passado, o Maringá, tem dez pontos, em segundo o Rio Branco com nove, J.Malucelli é o terceiro, com oito e em quarto o Londrina, que soma sete pontos.

Das três equipes da capital, o Coritiba é a que está melhor posicionada, em sexto lugar o Coxa soma cinco pontos, o Paraná é o décima com três, já o Atlético somou apenas dois pontos, em quatro jogos e está no penúltimo lugar da tabela.

Para o técnico Gilberto Pereira a posição do Fantasma é desconfortável. “Nós precisamos somar pontos, o lugar que ocupamos serve de alerta, não podemos desligar desse objetivo”, explica Gilberto. No início do campeonato, Gilberto destacou que o objetivo era conquistar a classificação entre os oito, ele admite que vê isso com mais dificuldade. “Vejo isso com muito mais dificuldades, estamos em uma fase do campeonato, em que precisamos reverter em vitórias essas duas partidas em casa, para devagar, conseguirmos subir na tabela”, comenta o técnico alvinegro.

Gilberto comentou sobre o desempenho das equipes da capital e considera que os ‘grandes’ não valorizam o campeonato. “A forma com que eles estão vendo o campeonato e dando pouca atenção, faz com que isso aconteça, eles entram desprezando a competição e acabam embaixo na tabela”, expõe Gilberto. O Atlético está disputando o campeonato com o time sub-23, comandado por Petkovic, a equipe principal está disputando a Copa Libertadores da América. O Coritiba também estava jogando o campeonato com um time mais jovem, enquanto o plantel principal fazia pré-temporada em Foz do Iguaçu, os jogadores já treinam junto com o restante da equipe, mas ainda em clima de preparação.

Se o campeonato estivesse na segunda fase, o Operário enfrentaria o Londrina, o Maringá enfrentaria o Cianorte, Rio Branco o Toledo e o J.Malucelli o Coritiba, já o Paraná e o Atlético brigariam para se manter na primeira divisão.

Empate sem gols em Londrina
O Operário empatou em 0 a 0 a partida contra o Londrina no último domingo. Gilberto acredita que o Fantasma fez uma boa partida no setor defensivo. “O jogo foi interessante defensivamente, eles fizeram uma aplicação tática boa, o momento nosso é de crescimento, lucidez e espero manter a equipe ofensiva para que isso aconteça”, conta Gilberto.

Durante a partida o alvinegro teve boas chances de abrir o placar, o Fantasma começou atacando e no começo do jogo Andrezinho teve oportunidade de marcar, mas o jogador foi puxado por Grolli e não pode finalizar a jogada. Aos 18 minutos o Londrina pressionou e Rone Dias quase marcou, mas o goleiro alvinegro espalmou e não deixou a bola entrar.

No decorrer da partida o Operário teve mais chances de gol, com Andrezinho e Lucas Batatinha, mas não conseguiu abrir o placar. O Londrina também pressionou, mas o goleiro Marcelo conseguiu segurar o empate e com isso o Operário continua invicto na competição. A próxima partida do Fantasma é no domingo, contra o Paraná, às 17 horas, no Germano Krüger.

Classificação Paranaense 2014 - 4a. rodada

Classificação Paranaense 2014 – 4a. rodada

Por Refaela Serrato (Diário dos Campos – 04/02/2014).

Uma resposta a Diário dos Campos: Times do interior estão na frente na tabela