Depois de sete rodadas na liderança, LEC cai para a segunda colocação com 19 pontos, um atrás do Atlético-PR. Paulo Sérgio foi o autor do gol

O Operário-PR não se intimidou com os 12 mil torcedores presentes no Estádio do Café e venceu o Londrina por 1 a 0 ,na tarde deste domingo. O Tubarão entrou em campo querendo retomar a liderança do Estadual, já que o Atlético-PR venceu o Arapongas e assumiu a ponta, mas teve dificuldades de criara, além de ficar na marcação do Fantasma. Paulo Sérgio fez o gol da vitória no segundo tempo.

O resultado deixa o Londrina com 19 pontos na segunda colocação do returno. O Atlético-PR, líder, tem 20 pontos. O Tubarão precisa vencer os jogos restantes e passa a torcer por um tropeço do Rubro-Negro para chegar à final. O Operário-PR ganha novo fôlego no Paranaense e mira a vaga na Série D do Brasileiro. Com a derrota do JMalucelli para o Paraná, a vantagem do Fantasma diminuiu em cinco pontos para o rival, com nove em disputa.

Na próxima rodada, o Londrina encara o Paranavaí no domingo às 16h (de Brasília), no Estádio Waldemiro Wagner. O Operário-PR recebe o já rebaixado Nacional-PR, também no domingo às 16h, no Estádio Germano Kruger.

Muita marcação e gol anulado
Com desfalques dos dois lados, a partida começou equilibrada e com os times procurando o ataque. Logo aos cinco minutos, Jácio quase enganou Danilo, mas o goleiro fez a defesa. O jogo aberto criou opções ofensivas para os dois lados. Bruno deu o troco pelo Londrina e ficou nas mãos de Silvio.

O goleiro do Operário-PR, inclusive, salvou o Fantasma na jogada seguinte. Neílson finalizou de frente para o gol e o goleiro fez bela defesa. Após o lance Silvio sofreu uma lesão na perna e teve que deixar o gramado, com apenas 15 minutos de jogo.

O Operário-PR chegou a balançar as redes do Londrina aos 22 minutos. Paulo Sérgio pegou a sobra, após cobrança de escanteio e completou para o gol, mas o árbitro viu impedimento no lance e anulou.

O Londrina não mostrava o mesmo equilíbrio dos outros jogos no meio de campo. Apesar disso, o meia Germano foi o autor da jogada mais perigosa do time. Após lançamento, o goleiro saiu mal e Germano conseguiu fazer o drible e chutar. O zagueiro Patrick se recuperou e salvou o Operário-PR.

Operário-PR marca e complica o Londrina
Os dois times voltaram a campo com a mesma formação da etapa inicial. O Operário-PR recuou na defesa e, com isso, não deixava o Londrina criar oportunidades e invadir a área para finalizar. O nervosismo do time refletiu no atacante Alexandre Oliveira. Aos 16 minutos, o atacante pegou sobra do goleiro Carlão e, com o gol livre, mandou por cima da meta.

Insatisfeito com o desempenho do grupo, Tencati sacou o garoto Robinho e promoveu Joel para o jogo. Já Turra colocou o meia Sandro, que era dúvida na partida, para tentar dar mais fôlego ao meio. A alteração do Fantasma deu resultado e foi dos pés do meia a jogada que resultou no gol da equipe.

Sandro puxou contra-ataque pela direita, driblou dois jogadores e, com o goleiro Danilo batido, deu passe açucarado para Paulo Sérgio. O atacante só teve o trabalho de empurrar para as redes, aos 29 minutos. O Londrina tentou o gol na base da pressão nos últimos minutos, mas não conseguiu marcar e saiu derrotado.

Da Redação Curitiba (Globo Esporte – 07/04/2013).

Os comentários estão encerrados.