Diante do vice-líder, Operário Ferroviário quer dar fim a sina de empates no estadual; duelo diante dos curitibanos acontece às 16h30

Último trabalho antes da partida aconteceu na manhã de ontem, no Estádio Germano Krüger Foto: Rodrigo Covolan

Último trabalho antes da partida aconteceu na manhã de ontem, no Estádio Germano Krüger
Foto: Rodrigo Covolan

O Operário Ferroviário tem, neste sábado, uma grande chance de mostrar sua força no Campeonato Paranaense 2013. Às 16h30, o Fantasma de Vila Oficinas visita o J. Malucelli no Eco-Estádio Janguito Malucelli, pela 7ª rodada do estadual, e pode tirar o 100% de aproveitamento do time do Parque Barigui em seus domínios. O ‘Jotinha’ é o vice-líder do estadual com os mesmos 12 pontos do Paraná Clube, mas fica a frente do Tricolor pelo número de vitórias. Já o alvinegro é o 6° com oito pontos ganhos, e precisa da vitória para não perder contato com a zona de classificação à Série D do Campeonato Brasileiro.

Para o jogo em Curitiba, o técnico Lio Evaristo decidiu repetir os 18 relacionados que participaram do jogo diante do Paraná Clube, na quarta-feira: com isso, o meia Rone Dias vai seguir em trabalhos específicos para condicionamento físico, enquanto o goleiro Silvio não se recuperou da lesão na região lombar. “Foi um jogo melhor, mais competitivo [contra o Paraná]. Mas a gente está precisando ter mais tranquilidade com a bola no pé”, avalia o comandante, que trabalhou na manhã de ontem movimentações ofensivas e o posicionamento nas saídas de bola e contra-ataques.

A repetição dos jogadores relacionados acena para uma permanência de postura e de peças na equipe titular, já que o volante Jacio, uma das surpresas entre os titulares no jogo do meio de semana, agradou Lio. “[O Jacio] teve humildade de esperar o momento certo e está na hora dele jogar. Fez um bom jogo, tem uma pegada diferente, além de ter uma boa marcação e qualidade na saída de bola” explica. A única dúvida deve ser mesmo no ataque, entre Thiago Augusto e João Paulo, que vem se revezando na equipe titular do Fantasma.

Quem se mantém no gol alvinegro é Serginho, que substituiu Silvio as pressas na quarta-feira. “Sei da responsabilidade, até porque o Silvio tem feito ótimos jogos. Ficamos bastante chateados pela maneira como ele saiu, mas estamos prontos para substituí-lo a altura”, disse o goleiro, que disputou o Paranaense do ano passado pelo Paranavaí. Além de Serginho, o jovem Éder, de 20 anos, ficará a disposição de Lio Evaristo no banco de reservas. Depois do jogo em Curitiba, a reapresentação do grupo alvinegro acontece na segunda-feira.

Ataque
Apesar da invencibilidade nos seis jogos de estadual, os resultados do Fantasma seguem desagradando a diretoria, comissão técnica e jogadores. Na mesma linha, o ataque que fez apenas sete gols também não é motivo de alegria em Vila Oficinas. “Nós temos dois meninos muito raçudos no ataque, voluntariosos. Não podemos dizer que eles não se empenham. O Luis [Alberto] está correndo atrás de jogador para a posição, mas enquanto não chega ninguém temos que trabalhar, e depois que o atacante chegar a gente vê. Agora é dar confiança ao Thiago e ao João Paulo”, enfatiza o técnico Lio Evaristo.

FICHA TÉCNICA
J. MALUCELLI: Fabrício, Fabinho, Diego Alemão, Tiago Alencar e Tomas; Wellington, Fernando e Andrezinho; Willian, Potita e Bruno Batata – Técnico: Sandro Forner
OPERÁRIO: Silvio, Maicon Macedo, Alex Moraes, Neguete e Alex Cazumba; Jacio, Sidnei, Cacá e Sandro; Maicon Veiga e João Paulo (Thiago Augusto) – Técnico: Lio Evaristo

Arbitragem: Leandro Júnior Hermes
Assistentes: Pedro Martinelli Christino e Márcio Lopes Guerra
Estádio: Janguito Malucelli – Data: 09/02 – Horário: 16h30
Ingressos: R$ 30 (Visitantes)

Por Sebastião Neto (Diário dos Campos – 09/02/2013).

Uma resposta a Diário dos Campos: Fantasma quer redenção sobre o ‘Jotinha’