A Federação Paranaense de Futebol (FPF) realizou avaliação no estádio Germano Kruger na manhã desta terça-feira (17).

O presidente da Comissão de Vistoria, Regionaldo Cordeiro, se mostrava confiante na liberação do campo até a última parte da vistoria.

No entanto, o fim do levantamento apontou necessidades que se não forem feitas vão impedir a estreia do Fantasma em casa contra o Atlético-PR no dia 25 de janeiro.

Reginaldo Cordeiro avalia estrutura do Germano Kruger - Foto: Luciano Mendes

Reginaldo Cordeiro avalia estrutura do Germano Kruger - Foto: Luciano Mendes

Regionaldo Cordeiro conta que “faltam adequações nos banheiros, três portões de vedação dos bares e a construção de três cabines de rádio e, por isso, o estádio ainda não está liberado”.

Já os laudos enviados pelo Operário não estão completos. O clube precisa disponibiliar “o certificado de vistoria do Corpo de Bombeiros, que não está contemplado no laudo, por estar vencido, e da Vigilância Sanitária, que dizia que o piso de acesso ao banheiro dos deficientes, tem que retificar”, detalha Cordeiro. Esta atualização precisa estar protocolada até às 10h de amanhã.

Já o laudo do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) possuiu uma prazo maior. Assim como as obras de adequação pode ser repassado até quinta-feira.

Regionaldo Cordeiro acredita que o estádio vai ser liberado, mas é preciso agilidade. “A minha perspectiva é que seja liberado o estádio e a boa vontade do clube neste sentido. Vamos ver se enviam os laudos a tempo hábil”, entencia.

Por Emmanuel Fornazari (Redação em Campo – 17/1/2012).

Uma resposta a Redação em Campo: Operário tem até amanhã para obter liberação do Germano Krüger