Na noite desta quarta-feira (8), em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Paranaense 2012, Operário e Cianorte se enfrentaram no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, e realizaram uma partida disputada. Na estreia do técnico Lio Evaristo, o Fantasma saiu derrotado por 3 a 2 com um gol no final do jogo. O time da casa começou vencendo, mas ainda no primeiro tempo sofreu a virada. Na etapa complementar, a equipe operariana conseguiu empatar em 2 a 2, no entanto, Fabinho deu números finais à partida aos 43 minutos, conquistando mais três pontos para o Leão do Vale, que segue lutando pela liderança da competição.

Na próxima rodada, domingo (12), Operário e Cianorte jogam fora de casa. O Fantasma vai até o estádio dos Pássaros enfrentar o Arapongas, enquanto o Leão do Vale vai à Paranavaí jogar contra o ACP.

Operário sai na frente, mas leva a virada
As duas equipes começaram a partida buscando o gol. O Operário atacou primeiro, logo nos primeiros segundos de jogo, mas a finalização foi defendida pelo goleiro Fabricio. No toque de bola, o Cianorte respondeu nos dois minutos seguintes, com duas chegadas à frente.  Após os ataques iniciais, a partida seguiu movimentada. Aos 10 minutos, o zagueiro operariano Henrique subiu bem após a cobrança de escanteio e cabeceou com perigo contra a meta do Leão do Vale.

A torcida do Fantasma pediu uma penalidade aos 14 minutos, quando Baiano caiu na área após perder o domínio do lance, mas a arbitragem, corretamente, não marcou. As principais jogadas foram criadas pela equipe da casa e o Cianorte contra-atacava. O Operário abriu o placar aos 22 minutos, com Baiano. O atacante mostrou velocidade, invadiu a área e finalizou de canhota para balançar as redes.

As faltas tomaram conta do jogo, que estava aberto. Operário e Cianorte chegavam com perigo ao ataque e o empate do Leão do Vale aconteceu aos 35 minutos, com Valdir. Em cobrança de escanteio feita por Felipe Pinto, o goleiro Gabriel não saiu bem do gol e o zagueiro cianortense aproveitou para marcar de cabeça.

A virada não demorou a acontecer. Aos 40 minutos, após cobrança de lateral, Marquinhos recebeu e girou para fazer o segundo dos visitantes. O Operário sentiu os gols e o terceiro do Cianorte quase saiu ainda na primeira etapa com o atacante Henrique, que carimbou a trave de Gabriel.

Cianorte marca no fim e vence
O início da segunda etapa foi atrasado porque um pedaço da trave que segura a rede quebrou e teve que ser consertado. O técnico Lio Evaristo realizou duas alterações para os 45 minutos finais. Além da entrada de Ceará no lugar de Wellington, o goleiro Gabriel, criticado pela torcida, foi substituído por Filipe. Apesar das mudanças, foi o Cianorte que voltou melhor. Aos três minutos, o Leão do Vale atacou com perigo em uma jogada de bola parada.

O Operário mudou a postura do primeiro tempo, passou a apresentar mais disposição e a entrada de Ceará ajudou na distribuição de jogadas do Fantasma. E o meio-campista, voltando ao time operariano, empatou a partida. Aos 15 minutos, Ceará finalizou, a bola desviou, encobriu o goleiro Fabricio e terminou dentro do gol do Cianorte.

A equipe da casa continuou melhor, buscando o terceiro gol e a virada. Aos 41 minutos, o gol da vitória operariana quase saiu. O goleiro Fabricio salvou o Cianorte após a finalização de Patrick de dentro da área.

Quando o empate parecia certo, o Cianorte fez mais um para conquistar os três pontos. Em uma enfiada de bola, João Paulo deu um toque para Fabinho, que apareceu bem e fez o gol da vitória do Leão do Vale. Após os três minutos de acréscimo, o árbitro Nilo Neves de Souza Junior apitou o fim de jogo no estádio Germano Krüger, para Operário 2 x 3 Cianorte.

FICHA TÉCNICA
OPERÁRIO 2 X 3 CIANORTE

Operário:Gabriel (Filipe); Jeferson, Henrique, João Paulo, Wellington (Ceará); Zé Leandro, Marcelo, Patrick; Marcelinho (Claudinho), Baiano e Ícaro.
Técnico: Lio Evaristo.

Cianorte:
Fabricio; Jackson (Alexandre Luz), Ligger, Valdir, Fabinho; Amaral, Cleiton, Paulinho, Felipe Pinto (Geandro); Henrique e Marquinhos (João Paulo).
Técnico: Paulo Turra.

Local: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.
Data/Horário: 08/02/2012, às 20h30.
Árbitro: Nilo Neves de Souza Jr.
Assistentes: Jefferson Cleiton Piva da Silva e Bruno José Ferreira.

Público/Renda
: 1.956 pagantes/ 2.024 total/ R$ 29.180,00.

Cartões Amarelos: Zé Leandro e João Paulo, pelo Operário. Henrique, Cleiton, Jackson, João Paulo e Fabricio, pelo Cianorte.

Gols: Baiano, aos 22 minutos do primeiro tempo, e Ceará, aos 15 minutos do segundo tempo, para o Operário. Valdir, aos 35 minutos do primeiro tempo, Marquinhos, aos 40 minutos do primeiro tempo, e Fabinho, aos 43 minutos do segundo tempo, para o Cianorte.

Os comentários estão encerrados.