As melhores chances do time, comando por Carlos Paiva, na partida foram em arrancadas, pela direita, do atacante Marcelinho ou em jogadas de bola parada

O Operário Ferroviário realizou na tarde de ontem, um jogo-treino contra o Iraty, diante de sua torcida e ficou devendo. O placar não saiu do zero e o desempenho do time deixou a desejar. Carlos Paiva poupou os titulares, que no final de semana devem enfrentar o Metropolitano, de Blumenau, Santa Catarina, e mandou à campo a seguinte escalação: Diogo; Jefferson, Marcelo Carvalho, Henrique e Wellington Santos; Normando, Goiano e Rílber; Thiago Henrique Marcelinho e Osmar.

Com time reserva, Fantasma não sai do zero contra a equipe do Iraty - Foto: Christopher Eudes

Com time reserva, Fantasma não sai do zero contra a equipe do Iraty - Foto: Christopher Eudes

Com um adversário mais retraído, faltava ao Fantasma um jogador que armasse as jogadas e ajudasse na saída de bola. O sistema de jogo do Iraty obrigava os zagueiros do alvinegro a tocarem a bola entre si e quando pressionados darem ‘chutões’ para o campo de ataque.

Por Michael Ferreira (JMNews – 12/1/2012).

Os comentários estão encerrados.