Operário não deve ter alterações para o confronto contra o Arapongas, amanhã, em casa; William deve ser o único desfalque

Lio Evaristo não escondeu o jogo, e já tem em mente qual a equipe que levará a campo amanhã, para a partida contra o Arapongas, no Germano Krüger. O principal desfalque deve ser o volante William, lesionado.

Para esta vaga, Lio sinaliza com a entrada de Zé Leandro, que já havia entrado durante o empate contra o Cianorte no meio de semana. Nas demais posições, o treinador do Operário não pretende mexer na equipe. Apesar de ter o retorno de Rogério, na lateral-direita, a tendência é que ele siga utilizando Correia no setor.

Diante do Arapongas, Lio repetiu o discurso adotado para a partida contra o Cianorte, mantendo uma base da equipe, sob justificativa de que não tem muito tempo para treinar. “O time não tem muita modificação, os jogadores já têm noção do que fazer, agora é deixar eles com energia pra fazer um bom jogo no domingo”, explica o técnico.

Com isso, o Operário deve começar jogando com Silvio, Correia, Renato Saldanha, Neguete, George;Patrick, Paulo Foiani, Zé Leandro e Ceará; Maicon e Baiano.

O Arapongas é um concorrente direto do Operário na briga por uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro, estando sete pontos à frente do time ponta-grossense na classificação geral.

No meio de semana, após a derrota para o Corinthians-PR, o time do norte do estado anunciou a saída de Darío Pereyra do comando da equipe. Para seu lugar, o Arapongas anunciou Paulo Roberto, treinador com passagens pelo interior paulista, tendo como última equipe o América, que disputa a A2 do Campeonato Paulista.

Para Lio, esta mudança de técnico deve tornar o confronto de amanhã ainda mais difícil. “Ninguém sabe do jeito que eles vêm, agora é um novo treinador. Quando era o Darío a gente sabia a maneira como jogava, agora não sabe se vem para cima, vem fechado”, argumenta.

A arbitragem do confronto de amanhã será de Antônio Denival de Morais, sendo auxiliado por José Carlos Dias Passos e Luiz Paulo Galli.

CASA CHEIA
A expectativa para o jogo de amanhã é de que o torcedor do Operário compareça em bom número ao Germano Krüger. Diretoria e comissão técnica têm reforçado o apelo para que o estádio de Vila Oficinas volte a receber um bom público no domingo.

Da Redação (Diário dos Campos – 31/3/2012).

Uma resposta a Diário dos Campos: Técnico Lio Evaristo esboça Operário sem mudanças