Após perder o goleiro Fabrício – que preferiu rescindir o contrato por não chegar a um acordo salarial – o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) corre atrás para reforçar a equipe. Pelo menos dois goleiros devem ser anunciados até o início da próxima semana.

O diretor de futebol, Maurício Barbosa, explica que já há um acordo verbal com um goleiro que está na Série B do Campeonato Brasileiro. “Ele já passou pelo Coritiba, Atlético-MG e pelo exterior”, descreve o currículo.

De posse dessas informações, o Redação em Campo recorda o nome do goleiro Ricardo Vilar. O atleta atuou pelo Coritiba em 2005 e 2006. O arqueiro teve rápida passagem pelo Atlético-MG e também pelo futebol da República Tcheca. (Confira currículo completo no fim do texto)

Vilar possuiu o currículo especificado pelo diretor do Operário

Vilar possuiu o currículo especificado pelo diretor do Operário

Atualmente, Ricardo Vilar faz parte do elenco do Asa de Arapiraca, que está na 15º colocação da Série B. O contrato do goleiro termina no dia 30 de novembro de 2011. Ou seja, ele já pode assinar um pré-contrato com qualquer time.

Questionado se Vilar seria goleiro do Operário em 2012, o diretor de futebol, Mauricio Barbosa, despistou. “Eu não posso te falar, senão vai atrapalhar nossas negociações”.

Nos últimos cinco jogos do ASA, Ricardo Vilar não atuou em nenhum. Gilson aparece como titular absoluto e quando foi substituído, quem entrou em seu lugar foi Tutti. O Redação em Campo tentou contato com a assessoria de imprensa do ASA, porém ainda não obteve resposta.

Mais jogadores
Dois zagueiros, um lateral direito e um volante vão chegar em Vila Oficinas. É o que garante o diretor de futebol Maurício Barbosa. Um dos zagueiros também seria da Série B. “O meio-campista é forte, um bom jogador”, adianta, sem revelar os nomes.

Em relação aos zagueiros, Barbosa diz que Alisson – que atuou pela equipe este ano e depois foi para o Grêmio Metropolitano – não é prioridade. “É bom jogador, mas tem contrato lá em Maringá”.

Pré-temporada
Depois de indas e vindas, o Operário enfim acertou o local da pré-temporada. A equipe vai mesmo para a cidade de Tibagi (90 km de Ponta Grossa). Havia um entrave político em relação ao dono da pousada em que o Fantasma vai ficar e o prefeito Sinval Silva. “Não tinha nada a ver com o Operário. Eles resolveram isso e vamos seguir para Tibagi”, afirma o diretor Barbosa.

Ricardo Vilar
Data de nascimento: 04/04/1985
Local: Curitiba (PR)
Altura: 1,88m
Peso: 81kg

História: Revelado pelo Coritiba, Vilar teve passagem pelo Democrata (MG) e foi contratado pelo Atlético-MG. Em seguida, foi emprestado ao CRB (AL), Uberlândia (MG) e, em 2009, negociado com F.K.Pribram, da República Tcheca. Em 2010, retornou ao Democrata para a disputa do Campeonato Mineiro. Passou também pelo Mogi Mirim (SP) e hoje está no ASA (AL)

Por Emmanuel Fornazari (Redação em Campo – 25/10/2011).

Uma resposta a Redação em Campo: Operário negocia com goleiro ex-Coritiba; Pré-temporada volta para Tibagi