Fantasma vence por 2 a 0 e assume posto de verdadeiro adversário do Coritiba na briga pelo título. Mateus e Ícaro fizeram os gols no primeiro tempo

O Operário esbanjou competência e bateu o Atlético Paranaense em plena Arena da Baixada na tarde deste sábado. Mateus e Ícaro fizeram os dois gols do jogo ainda no primeiro tempo e garantiram a vantagem que foi administrada durante o resto do jogo.

Muito pressionado e vivendo uma fase ruim, o Atlético/PR tentou muito, mas parou em mais uma grande atuação do goleiro Ivan. O primeiro gol do jogo saiu aos 13 minutos e e cobrança de falta. Lisa cruzou na cabeça de Mateus, que subiu sozinho entre os zagueiros atleticanos e abriu o placar.

Os donos casa, cobrados pela torcida, criaram chances principalmente com Paulo Baier e Mádson e foram em busca do empate. Com isso, abriram espaços para os contra-ataques ponta-grossenses, o que foi fatal. Aos 35 minutos Ícaro aproveitou a chance criada e bateu colocado, sem muita força, para ampliar a vantagem do Fantasma.

Depois do intervalo, o Atlético seguiu abusando das faltas e da violência, principalmente com o equatoriano Guerrón, que por várias vezes foi maldoso nas disputas de bola.

Porém, foi o Operário que perdeu um jogador por expulsão. Aos 29 minutos Ceará tomou o segundo cartão amarelo e foi obrigado a deixar o jogo. Ele havia sido advertido no primeiro tempo e exagerou em um carrinho, acabou expulso por Antônio Valdir dos Santos.

O Fantasma também perdeu o goleiro Ivan, que tomou cartão amarelo por reclamação. Foi o terceiro dele, que cumpre suspensão automática na próxima rodada.

O volante, improvisado na lateral esquerda, Edson Grilo, saiu machucado e foi levado ao hospital, após ser atingido por Guerón, que não levou nem cartão amarelo.

Ouça abaixo os gols do jogo com a equipe MZ FM 90,7. Mateus abriu o placar e Ícaro ampliou a contagem.


Equipe MZ FM 90,7
Narração: Jackson Carlos
Comentário: Diomar Guimarães
Reportagens: Vitor Hugo e Alex Freire
Plantão: Emmanuel Fornazari

Por Emmanuel Fornazari e Vitor Hugo Gonçalves (Net Esporte Clube – 19/3/2011).

Os comentários estão encerrados.