Após estar duas vezes na frente do placar, Operário deixou Roma reagir e virar o jogo

A partida era para ser a reabilitação do Operário depois do empate sem gols com o Rio Branco. No entanto, o Fantasma conseguiu mais um mal resultado jogando em seus domínios.

A equipe abriu o placar com Dhiego Martins de pênalti. Zé Leandro foi expulso e o Roma empatou da mesma forma. Mesmo com um a menos, Ceará conseguiu colocar o Operário novamente a frente.

Porém, a equipe sentiu a expulsão. Além disso, os jogadores demonstraram nervosismo e desatenção. Assim, o Roma aproveitou para virar o placar e praticamente tirar as chances do Operário vencer o segundo turno. O Fantasma mantém os oito pontos de desvantagem do Coritiba.

O próximo jogo da equipe de Vila Oficinas acontece no próximo domingo, contra o Paranavaí, fora de casa. A partida está marcada para as 15h30 no estádio Waldomiro Wagner.

Por Emmanuel Fornazari (27/3/2011).

Os comentários estão encerrados.