A Premier Soccer, que até então era responsável pelo futebol no Operário, deixou a função para ser um investidor no clube. A gestão do futebol a partir de agora fica sob inteira responsabilidade da direção do Operário.

Desde 2007 o presidente Carlos Roberto Iurk firmou parcerias onde terceirizava a gestão do time profissional, algo que a partir de agora ficará a cargo do próprio clube. Iurk admite o desafio, não esconde a responsabilidade, mas garante que o clube está pronto para andar com as próprias pernas, e já fala em buscar patrocínios e mais investidores para bancar o Operário justamente no ano em que completa 100 anos de fundação.

Presidente do Operário, Carlos Roberto Iurk assume a gestão do clube a partir de agora - Foto: Fabio Matavelli

Presidente do Operário, Carlos Roberto Iurk assume a gestão do clube a partir de agora
Foto: Fabio Matavelli

“Vamos buscar patrocínios, para que venham novos investidores. É um desafio a mais, uma responsabilidade muito grande, não temos competência financeira para tocar tudo isso sozinho”, disse o mandatário alvinegro. “Já existem interessados (em investir no Operário), mas é preciso avaliar, e nos próximos dias talvez existam mais novidades”, completou.

Por Jeferson Augusto (Diário dos Campos – 19/9/2011).

Os comentários estão encerrados.