Sem Nelinho, suspenso, Carlos Henrique Paiva também pode ter o desfalque de Zé Leandro; André e Edson Grilo devem ser escalados, e Ícaro retorna ao ataque

Carlos Henrique Paiva não deverá com pelo menos dois jogadores para a partida decisiva com o Cene, no domingo, em Campo Grande, pela Série D do Campeonato Brasileiro. Nelinho é ausência certa por conta do terceiro amarelo recebido no último domingo, na vitória sobre o Cerâmica.

Outro que não deve estar entre os titulares em Campo Grande é Zé Leandro. O volante, com dores no púbis, não treinou esta semana e sua presença é praticamente descartada para a partida de domingo.

NORMAL George era uma das dúvidas no Operário, mas treinou normalmente ontem à tarde

NORMAL George era uma das dúvidas no Operário, mas treinou normalmente ontem à tarde

Sem muitas opções dentro de seu elenco, o técnico alvinegro já tem quase certo os titulares que enfrentam o Cene. Para a vaga de Nelinho, André deve ser titular, ao lado de Nelinho. Já no meio, Edson Grilo retorna aos titulares.

Outra modificação em relação à equipe que venceu o Cerâmica acontece no ataque. Ícaro retorna após cumprir suspensão, no lugar de Luciano. Bahia, autor do gol da vitória do último domingo, deve ser relacionado para o banco.

Nas demais posições, Paiva não deve mexer. George chegou a ser dúvida, por problemas físicos, mas treinou normalmente. Caso não tenha condições, o treinador deve improvisar o volante Patrick. Nas demais posições, a equipe que inicia a partida em Campo Grande no domingo deve ser a mesma que venceu o Cerâmica.

Hoje Paiva comanda o último treino em Ponta Grossa antes de a equipe embarcar para o Mato Grosso do Sul. Na atividade, o técnico deve sacramentar as alterações sinalizadas no treino de ontem à tarde.

O Operário vai até Campo Grande enfrentar o Cene precisando vencer, em um duelo direto por uma vaga nas oitavas de final da Série D nacional. O time sul-matogrossense tem dez pontos, três a mais que o alvinegro, e ocupa a segunda colocação do grupo A7.

Para seguir com chances de se classificar, o Operário precisa vencer não apenas o Cene neste domingo, mas também o Mirassol, líder do grupo e já assegurado na segunda fase, na última rodada, em casa.

A arbitragem da partida deste domingo que acontece no ‘Olho do Furacão’, como é chamado o estádio do Cene, ficará a cargo de Marcelo Alves dos Santos, tendo como auxiliares Adnilson da Costa Pinheiro e Eduardo Gonçalves da Cruz.

Por Jeferson Augusto (Diário dos Campos – 9/9/2011).

Os comentários estão encerrados.