Alvinegro tem menos de um mês para estreia no Campeonato Paranaense e encara alguns desafios, dentro e fora de campo

O elenco do Operário faz a partir de hoje uma pequena pausa da preparação para o Campeonato Paranaense do ano que vem, e entra na reta final de sua pré-temporada, restando menos de um mês para o início do Campeonato Paranaense.

Até o dia 22 de janeiro, quando o alvinegro encara o ACP, o técnico Carlos Paiva tem exatos 29 dias para colocar a equipe pronta para a disputa do Estadual. Os acertos extra-campo são outra preocupação até o início do Paranaense.

Saída de jogadores, déficit no caixa (o presidente Carlos Roberto Iurk assumiu que um terço do orçamento mensal do futebol profissional precisa ser pago), saída de jogadores, além da dificuldade em agendar amistosos são os principais problemas da preparação alvinegra.

Elenco do Operário ganhou folga e volta a trabalhar a partir de terça-feira - Foto: Rodrigo Covolan

Elenco do Operário ganhou folga e volta a trabalhar a partir de terça-feira - Foto: Rodrigo Covolan

Após um período de três semanas em Tibagi, onde foi aprimorada a parte física, Carlos Paiva passou a priorizar o aspecto técnico, e começou a dar cara ao time titular alvinegro. Gabriel, Claudio, João Paulo, Nelinho (Renato Saldanha) e George; Zé Leandro, Marcelo, Edson Grilo e Elvis; Ícaro e Baiano é um rascunho do time titular, que deve ser aprimorado até a semana da estreia.

O elenco volta a treinar agora somente na terça-feira (27), voltando a receber folga no dia 31 até o dia 3 de janeiro. Até lá, é pouco provável que a direção do clube tenha conseguido agendar uma partida preparatória, e com isso, sobraria menos de 20 dias para a estreia no Campeonato Paranaense.

O Operário fez somente jogos-treinos até agora, a maioria contra equipes amadoras, a única exceção foram os compromissos com o Corinthians-PR. Já os concorrentes do interior não têm encontrado a mesma dificuldade para marcar testes, e já realizam amistosos.

Caso do Roma, que venceu o Osvaldo Cruz, de São Paulo, na última quinta-feira (22), por 4 a 1; ou o Arapongas, que perdeu para o Santacruzense, também do interior paulista, por 31; ou o Rio Branco de Paranaguá, que venceu o Metropolitano de Blumenau por 3 a 0.

O único com a preparação menos adiantada parece ser o Iraty, que irá ter seu elenco s realizando treinos táticos somente a partir do dia 2.

Desafios até a estreia no Paranaense:
– Fazer testes. O Operário só realizou jogos-treinos, enquanto que seus rivais já fazem amistosos
– Manter o elenco. A equipe já perdeu quase um time todo, desde que anunciou os nomes do time do Paranaense, e podem ocorrer novas baixas.
– Definir a equipe. Paiva ainda tem algumas dúvidas sobre o time titular, principalmente na defesa.
– Ter caixa. Os problemas financeiros são assumidamente uma preocupação da direção alvinegra, que espera lucros com a renda dos jogos.

Da Redação (Diário dos Campos – 21/12/2011).

Uma resposta a Diário dos Campos: Operário entra em contagem regressiva