Iurk admite ingerência no time profissional em outros anos, mas garante que administração do futebol não sofrerá interferências

Com a mudança de mãos na administração do futebol a partir de agora, o presidente do Operário, Carlos Roberto Iurk, garante que terá ‘plena autonomia’ sobre a gestão da equipe, fato que o mesmo admitiu não ocorrer em anos anteriores.

“A palavra final sobre a equipe será do clube, através do treinador. Vamos ter autonomia e autoridade para que isso ocorra”, assegurou o mandatário alvinegro, ainda na entrevista coletiva que concedeu para anunciar o fim da gestão da Premier Soccer no Operário.

Iurk garante que clube terá completa autonomia sobre o time profissional no Paranaense - Foto: Fabio Matavelli

Iurk garante que clube terá completa autonomia sobre o time profissional no Paranaense - Foto: Fabio Matavelli

O grupo de empresários do Rio de Janeiro agora passa ser um investidor no time do Operário no Campeonato Paranaense, com jogadores ligados a Premier, que esperar retorno financeiro com venda destes mesmos atletas.

Questionado se não teme uma possível interferência dos investidores – sejam os próprios empresários do Rio ou outros, que podem chegar, conforme admitiu Iurk – na escalação da equipe para valorizar seus atletas, o presidente do clube garantiu que haverá completa autonomia do Operário. Iurk admitiu que em anos anteriores, em 2008, especificamente, os gestores do clube, então na figura de Francisco Carlos de Jesus, o ‘Chico da Bracol’, interferia na escalação da equipe. “Foi a última vez que isso ocorreu”, garantiu o mandatário. “Conhecemos o pessoal da Premier e vamos analisar cuidadosamente quem possa vir ser nossos parceiros, para que isso não ocorra”, completou.

Atualmente, boa parte do elenco alvinegro é ligado à Premier Soccer, e o presidente já adiantou que pretende manter alguns integrantes do elenco que disputou a Série D do Campeonato Brasileiro no Estadual do ano que vem.

A respeito do planejamento, a direção do Operário garante que no dia 1º de novembro irá iniciar os trabalhos para a pré-temporada para o Campeonato Paranaense, que tem previsão para iniciar na segunda semana de janeiro.

A respeito das negociações de renovação com atuais jogadores e vinda de reforços, além da definição do nome do treinador deve ocorrer nas próximas semanas. Alguns atletas do atual elenco, caso do volante Serginho Paulista, por exemplo, tem contrato com a equipe ponta-grossense até maio do ano que vem.

OLHO:
“A palavra final sobre o time será do clube. Vamos ter autonomia e autoridade para que isso ocorra”

Por Jeferson Augusto (Diário dos Campos – 21/9/2011).

Uma resposta a Diário dos Campos: Nova gestão garante autonomia