Um degrau a mais na classificação e um dia a menos de preparação. Se na terça-feira o Operário já acusava o desgaste sofrido pela sequencia de jogos a cada três dias, o clube terá ainda menos tempo para se recuperar e preparar para a sétima rodada do Campeonato Paranaense.

Mal teve tempo de assimilar o empate sem gols no Bem Jesus da Lapa, em Apucarana, diante o Roma, o time ponta-grossense já visa o próximo compromisso pelo Estadual, amanhã. A Federação Paranaense confirmou para às 19h30 de sábado o confronto entre Operário e Paranavaí, no Germano Krüger.

O alvinegro terá, em casa, a oportunidade de consolidar a ascensão na tabela. Em três jogos, o time de Amilton Oliveira somou sete pontos, e com isso subiu cinco posições, da décima para a quinta posição.

Foto: DE VOLTA Após cumprir suspensão, Serginho Paulista pode voltar à equipe amanhã

DE VOLTA Após cumprir suspensão, Serginho Paulista pode voltar à equipe amanhã

O ponto trazido de um jogo em que quase não foi realizado – por conta da forte chuva, que castigou bastante o gramado, e que só avalizado pelo árbitro Jarbe Cassou, contra a vontade dos jogadores, minutos antes da bola rolar – também contribuiu para a boa campanha que o time ponta-grossense ostenta quando atua longe de sua torcida. Até o momento, o Operário em três jogos fora de casa não perdeu nenhum e somou sete pontos. A equipe ponta-grossense ainda foi beneficiada pelos outros resultados da rodada, como o tropeço do Atlético-PR diante o vice-lanterna da competição, o Cascavel, por 2 a 0.

Para o duelo com o Paranavaí, Amilton Oliveira poderá ter a volta de Mateus, ausente no empate em Apucarana. O atacante sentiu dores, ainda após a vitória sobre o Rio Branco e não se recuperou a tempo, sendo vetado horas antes do confronto com o roma. Quem também retorna e fica à disposição do treinador do Operário é o volante Serginho Paulista, que cumpriu suspensão.

Com a confirmação do jogo para amanhã, a diretoria do Operário já colocou à venda os ingressos para o duelo com o Paranavaí. Os valores serão os mesmos dos três jogos anteriores, R$ 20 para arquibancada e R$ 50 arquibancada coberta.

Ontem a Federação Para­naense divulgou a escala de árbitros da sétima rodada do Campeonato Paranaense. Apita o confronto entre Ope­rário Paranavaí Everaldo Lambert dos Reis, ele terá como assistentes Márcio Lopes Guerra e Weslley Go­mes da Silva.

Rodada vitima dois técnicos
Os resultados sexta rodada do Campeonato Paranaense resultaram em mais duas demissões de treinadores. A derrota por 2 a 0 para o Cascavel foi o estopim para Sérgio Soares deixar o Atlético-PR. O clube confirmou a saída na tarde de ontem, em seu lugar, assume, interinamente, Leandro Niehues, que já assumiu o time no ano passado. Soares não sobreviveu à inconstância rubro-negra no Campeonato Paranaense. O clube da Baixada já perdeu três vezes, patina na parte intermediária da tabela enquanto vê o arquirrival Coritiba despontar como um dos possíveis favoritos ao título do primeiro turno.

Outro técnico que caiu após mais um ruim resultado foi Saulo de Freitas, no Rio Branco. O time de Paranaguá perdeu mais uma na noite de quarta-feira, destra vez para o Cianorte, agravando a crise no litoral, que já havia se instaurado no clube no domingo, quando perdeu em casa para o Operário.

Por Jefferson Augusto (Diário dos Campos – 4/2/2011).

Os comentários estão encerrados.