A renovação, ou cumprimento em alguns casos, de contratos de jogadores do Operário já começam a se arrastar. Depois de sinalizar com sua ida para o Londrina, o meia Ceará deve permanecer no Operário, ao menos por enquanto.

A direção do Londrina teria desistido do atleta, que tem contrato com o Operário até maio do ano que vem, mas tem de renegociar seu salário para permanecer em Vila Oficinas. O presidente Carlos Roberto Iurk já definiu a situação do meia como ‘um caso a parte’.

Ceará não acertou ida para o Londrina e pode permanecer no Operário

Ceará não acertou ida para o Londrina e pode permanecer no Operário

O atacante Mateus é outro que precisaria reajustar sua remuneração para renovar o contrato que vence em dezembro deste ano. Já o atacante Marcelinho, cujo vínculo também se encerra no fim de 2011, já estaria encaminhado para permanecer no Operário no Paranaense do ano que vem. A direção alvinegra ainda estaria tentando acertar os retornos dos lateral-direito Lisa, que está no Paraná Clube, e do zagueiro De Lazzari, que defendia a Chapecoense, de Santa Catarina.

Desta forma, oficializada, a única baixa no elenco do clube ponta-grossense é a do volante Serginho Paulista, que rescindiu seu contrato e acertou sua transferência para o Londrina.

Para hoje é esperada a definição do local onde será realizada a pré-temporada o Operário, prevista para começar dia 4 de novembro.

Por Jeferson Augusto (Diário dos Campos – 21/10/2011).

Uma resposta a Diário dos Campos: Ceará não vai ao Londrina