Amilton Oliveira definiu ontem o time titular do Operário para o duelo de amanhã contra o Cianorte, no jogo de volta da Final do Interior, no Germano Krüger.

Ceará, dúvida e que não treinou ao longo da semana, alegando dores no joelho, foi confirmado pelo treinador como titular amanhã. Além do camisa 10, Mateus também teve seu nome incluído na relação dos onze que começam jogando. O atacante, artilheiro do Operário com oito gols no Paranaense deste ano, havia sido relegado ao banco no início da semana. Entretanto, a vaga que seria de Osmar, voltou a Mateus, já que o então novo titular sentiu dores na tarde de quinta-feira.

Com isso, o meio de campo do Operário é confirmado com Zé Leandro, Serginho Paulista, Serginho Catarinense e Ceará. “Pelas características do jogo o Cambará vai ficar como opção no banco. O Zé Leandro será um primeiro volante, às vezes fazendo papel de um terceiro zagueiro. Vamos ficar mais expostos, mas é um risco que temos que correr”, justificou o treinador.

Na defesa, Amilton promoveu mais mudanças. Gilson entra no lugar de Rodolfo, e André retoma o posto que até então vinha sendo ocupado por Vinícius.

O árbitro do confronto que irá definir o título do interior será Antônio Denival de Morais, sendo auxiliado por José Amilton Pontarolo e José Carlos Dias Passos. Em caso de nova vitória do Cianorte, o título, além de um prêmio de R$ 50 mil ficará com a equipe do norte. Já um triunfo do Operário, por qualquer placar, obriga a decisão por penalidades máximas.

Da Redação (Diário dos Campos – 14/5/2011).

Os comentários estão encerrados.