O gestor Dorli Michels disparou que prefere contratar jogadores que venham para resolver dentro de campo e que não apenas marketing

Em meio a alguns boatos sobre a vinda de jogadores ‘bem experientes’ e outros quase já aposentados para o time ponta-grossense, o gestor Dorli Michels disparou que prefere contratar jogadores que venham para resolver dentro de campo e que não apenas venham para fazer marketing.

“Tem jogador badalado aí que vem só para fazer farra. Jogador velho está fora do time e tem que ir para o museu”, alfineta, ao descartar qualquer possibilidade de trazer jogadores beirando já os 40 anos, em fim de carreira ou que ainda insistem em tentar lembrar os bons tempos em clubes do interior.

Sem muito bom humor quando o assunto é a vinda de jogadores ‘conhecidos’, Dorli enfantiza que “jogador bom é o que joga no nosso time, no Operário”. De acordo com o empresário, o chamado medalhão só virá para o Fantasma se tiver ainda em atividade e jogando bem. “Trazer um cara de 37 anos só para fazer marketing, pode esquecer”, esbraveja.

Por Alexandre Costa (Net Esporte Clube – 24/12/2010).

Os comentários estão encerrados.