Ainda que aguarde reforços e tenha pouco mais de duas semanas para a certar o time antes da estreia no Campeonato Paranaense, Amilton Oliveira já traça um esboço do time titular do Operário. O treinador do time ponta-grossense vê uma base, sobretudo no meio de campo, com alguns remanescentes do time que participou da Série D do Campeonato Brasileiro deste ano, além dos alas que jogaram pelo clube no Paranaense no primeiro semestre. “Dá pra dizer que já tenho uma base, com o Lisa, o Gilson, no meio com o Cambará, o Grilo, Zé Leandro. Temos uma boa base e dá pra começar a traçar o time titular”, analisa.

Apesar da base traçada, Oliveira é cético e sabe que o time tem de evoluir muito até a estreia estadual no dia 16, diante do Coritiba. “Ainda tem que esperar um pouco, estamos esperando alguns reforços, e agora estamos na quarta etapa do nosso preparamento, priorizando a parte física. Após o retorno da folga, acredito que lá pelo dia 3 a ênfase será tática e técnica, ajustar posicionamento, tudo isso, com dez dias de bola”, planeja.

Foto: AJUSTES Operário se dedica à parte física e deve fazer últimos ajustes no time titular na próximas semanas

AJUSTES Operário se dedica à parte física e deve fazer últimos ajustes no time titular na próximas semanas

O Operário deve fazer dois amistosos antes da estreia contra o Coritiba, nos dias 5 e 8, ambos em Ponta Grossa e encarados pelo técnico como autênticos testes com objetivos de fazer os ajustes finais no time. “Aí sim serão dois testes, amistosos pra valer, com adversários mais fortes e um pouco antes da estreia, que darão condições de acertar o que está errado em uma semana”, afirma.

Os dois compromissos feitos pelo elenco, ainda em Reserva, contra o Serrano e um combinado amador da cidade, foi encarado pelo treinador do Operário como jogos-treinos, ainda que tenha sido bem avaliados por ele. “Destes dois jogos-treinos, pode se destacar o comprometimento dos jogadores. Apesar de, principalmente no segundo jogo, ser contra um adversário tecnicamente mais fraco, os jogadores, o empenho dos atletas é que tornou o jogo mais fácil”, ressalta.

Desde que retornou da pré-temporada em Reserva o Operário treina em Ponta Grossa dando ênfase à parte física. Hoje o elenco realiza o último treino pela manhã e recebe dispensa, voltando à atividades no domingo.

Por Jeferson Augusto (Diário dos Campos – 30/12/2010).

Os comentários estão encerrados.