Caçapa já tem definido time que começa jogando contra o Oeste, no domingo, no Germano Krüger; equipe deixa de usar três zagueiros e volta a atuar no 4-4-2

O técnico Caçapa já tem definido quem serão os onze titulares contra o Oeste, no domingo, no Germano Krüger. Ainda que a equipe tenha pelo menos mais dois dias de preparação para a partida considerada decisiva para as pretensões de classificação, o treinador afirma já ter definido quem começa jogando no fim de semana.

Com ausências certas de Rilber e Gilson, o treinador teve como alento os retornos de Zé Leandro e Dario. Com isso, a equipe deixa de atuar com três zagueiros de ofício e o treinador abre mão do esquema 3-5-2 e volta a atuar com uma linha defensiva com quatro atletas.

Foto: PRONTO Faltando poucos dias para "decisão", Operário se diz pronto para partida no Germano Krüger e Dario será a novidade

PRONTO Faltando poucos dias para 'decisão', Operário se diz pronto para partida no Germano Krüger e Dario será a novidade

O substituto de Gilson será Péricles, que já havia entrado no lugar do ala no empate em Itápolis. Cassiano, Leonardo e De Lazzari completam o setor defensivo.

No meio de campo Dario volta à equipe e pela primeira vez atua na Série D nacional com a camisa alvinegra. O volante se recuperou de lesão e irá ajudar Cambará e Diego Zanuto na função auxiliar a defesa. Para o técnico, a reestreia do jogador, que passou a ser titular na reta final do Paranaense não deve gerar problemas. “O Dario é um jogador importante e que se acertou com a defesa, além de ter uma excelente saída de bola”, analisa Caçapa.

O ataque deverá ser o mesmo que atuou no primeiro confronto contra o Oeste. Na opinião do técnico, a baixa produção ofensiva do Operário não chega a preocupar. “O mais difícil hoje em dia no futebol é criar oportunidades, e isso tem acontecido, nosso time tem criado bastante, mas anão tem aproveitado. Isso não chega a preocupar, sabemos da qualidade do time e que os gols vão aparecer”, acredita.

Na tarde de ontem, devido ao mau tempo, os jogadores participaram de um treino em uma quadra coberta. Na opinião do técnico, apesar da chuva, a preparação para a partida decisiva vem sendo boa. “É claro que a gente preferia treinar, normal. Mas é melhor não expor o jogador e acabar perdendo algum atleta por lesão”.

Caçapa deve comandar hoje e amanhã os últimos treinos antes do duelo de domingo, e também para hoje é esperada a chegada dos ingressos para o confronto no Germano Krüger. A diretoria alvinegra colocou à venda a carga máxima de ingressos, 8600 e entradas, na expectativa que o público seja superior aos 2700 expectadores que estiveram em Vila Oficinas na vitória sobre o Joinville.

Por Jeferson Augusto (DCMais – 5/08/2010).

Os comentários estão encerrados.